Estreitar a relação com o corpo clínico sempre foi estratégico para um hospital. A confiança, a reciprocidade, a relação ganha-ganha e a dependência mútua são alguns dos princípios e características deste relacionamento. Quando juntas e interligadas a uma solução tecnológica, demandam um movimento e investimento que fortalecem esse vínculo.

Trabalhar essa pauta é uma iniciativa essencial para os hospitais líderes. Gestores visionários costumam desenvolver estratégias a fim de aplicar esses princípios e, em paralelo, lançar ferramentas que tornem o dia a dia mais prático, facilitando a resolução de burocracias e dando fluidez as atividades assistenciais.

Por outro lado, alguns hospitais se limitam em fidelizar esse público apenas por meio de eventos, conteúdos, programas, comunicação e congressos. Ações que não abrem espaço para laços enraizados e nem contribuem diretamente na produtividade.

Cada setor, tem uma especificidade para se relacionar com a equipe médica. O centro cirúrgico, por exemplo, certamente é um dos campos que exige mais atenção. Isso por que é uma área, essencialmente importante para o cumprimento da meta financeira do hospital.

Isso justifica no grande volume de cirurgias nos centros cirúrgico. Demanda que exige um grande esforço da equipe, desde o pedido de cirurgia ao pós-cirúrgico. Considerando essas peculiaridades, ignorar um processo manual de agendamento cirúrgico e não estreitar o relacionamento com corpo clínico pode se tornar um grande gargalo.

Ao considerar essas questões, é certo que o relacionamento médico é um assunto que deve ser pautado entre todos os hospitais, sobretudo os que possuem maior fluxo de procedimento.

Os cirurgiões que inseridos numa relação de transparência, passam a ter mais confiança e liberdade para que o processo aconteça com fluidez: o engajamento aumenta, a produtividade melhora e essa confiança, latente entre o hospital e o médico, também é transmitida aos pacientes, garantindo a melhor experiência.

Mesmo que existam boas estratégias para melhorar as relações com o corpo clinico, ainda há uma parcela de médicos que não é alcançada. No passado, as possibilidades eram limitadas. Mas agora, com o novo capítulo da transformação digital, as alternativas se estendem e a tecnologia se tornou uma forte aliada.

Powered by Rock Convert

Conectar médicos aos hospitais com a implantação de um fluxo digital de relacionamento é um caminho estratégico e seguro que só é possível por meio da plataforma de agendamento inteligente de cirurgias da Intelectah. A inovação digital torna o fluxo mais eficiente e agrega praticidade à rotina, além de agilizar a comunicação.

  • Transformação digital na saúde

A inovação digital está em todo lugar: compras de passagens aéreas, check-in on-line, lojas virtuais, reservas de hotéis, compras de refeições, viagens de taxi, relacionamento com operadoras de telefonia. Isso não é diferente no mundo dos hospitais.

A cultura de digitalização no sistema vem se intensificando ano a ano, através do lançamento de serviços aos beneficiários e médicos, através de portais e apps. Atualmente, é possível fazer praticamente tudo através destas plataformas.

Praticamente tudo está digitalizado, desde as autorizações ao registro eletrônico do paciente. Porém, um capítulo muito importante, mas difícil, ficou para trás e passou a ganhar relevância no relacionamento médico: o agendamento cirúrgico.

Inúmeros hospitais ainda realizam por telefone, processo que exige grande investimento em centrais telefônicas e pessoal, capazes de atender todas as chamadas de agendamento, transferências, cancelamentos e outras solicitações.

  • Inteligência no agendamento cirúrgico

Mas o hospital muda de cena com a plataforma de agendamento inteligente de cirurgias da Intelectah. A interface amigável do Neoh Cirurgia, possibilita aos médicos e atendentes uma navegação fácil e intuitiva. E uma vasta série de recursos inteligentes, como o chat em tempo real, contribuem fortemente para fluidez da comunicação da equipe. Um dos maiores ganhos para o corpo clínico é a forte autonomia e mobilidade que a ferramenta dispõe.

É nesta construção de princípios e características que é possível fortalecer o relacionamento médico e, consequentemente, melhora os resultados. Ações como essas, de transparência e fidelização, contribuem para que o hospital alcance a excelência. Além disso, a estratégia on-line no ecossistema da saúde, passou a ser um pilar importante na autonomia e no engajamento médico.

Por isso, é tão importante estar conectado e atento às principais tendências. Mantenha os médicos envolvidos no processo de agendamento de cirurgia conectados com a solução inteligente da Intelectah. Clique aqui e entre em contato com a gente.